O bairro de Perdizes, em São Paulo, é conhecido por sua qualidade de vida. Lá os moradores conseguem encontrar todos os serviços essenciais para o bem-estar, como farmácias e hospitais. Encontram também supermercados e pontos de comércio, além de bares e restaurantes, que garantem a diversão dos que curtem a região. Além de tudo, há as inúmeras academias e espaços para prática de esportes. Por isso a necessidade, também, de clínicas de fisioterapia no Perdizes!

Se você ficou um pouco confuso, nós explicamos. A fisioterapia é uma área médica que previne uma série de problemas e doenças. Ela é realizada, principalmente, por meio de exercícios de correção da postura e movimentação correta das articulações. Além disso, ela trata os problemas já instalados no corpo, de modo a recuperar o melhor movimento do organismo.

Pois bem: a prática de esportes, apesar de fundamental e importantíssima para o organismo, pode gerar problemas. Problemas como dores e lesões. Geralmente, essas situações são causadas pela má escolha do esporte a ser praticado. Imagine, por exemplo, que você possua os joelhos mais “frágeis”. Se resolver praticar a corrida de alta intensidade, e por conta própria, é bem possível que você tenha problemas em breve. Afinal, a corrida se utiliza exatamente, e muito, dos joelhos.

Outro motivo pelo qual as lesões podem acontecer é a prática incorreta do esporte. Se o indivíduo mantém uma postura inadequada, ou carrega mais peso do que seu corpo suporta, ou outros, o resultado possivelmente será o desgaste das articulações. Logo, haverá dor, formigamento, dormência, vermelhidão e outros sinais.

Fisioterapia: importância e técnicas

Assim, a fisioterapia se faz mais que necessária. Com o auxílio de um profissional, é possível primeiro definir o exercício mais adequado ao seu biotipo. O especialista irá considerar todas as limitações de seu corpo, além das predisposições existentes para lesões. Dessa forma, o esporte escolhido terá apenas benefícios. Ademais, o fisioterapeuta pode indicar a forma correta de realização dos exercícios. Quais alongamentos fazer, como manter a postura, como diminuir os impactos ruins sobre o corpo.

Quando já há uma condição instalada, sua atuação é ainda mais importante. Afinal, é por meio da fisioterapia que o indivíduo poderá recuperar seu vigor e plena capacidade física. Para isso, a área médica se utiliza de uma série de técnicas.

A primeira das técnicas, e aplicadas na maioria dos casos, é a dos exercícios fisioterápicos. Eles movimentam o corpo de forma controlada e em áreas específicas, e dessa forma conseguem auxiliar na melhora de movimentação no dia a dia. É possível realizar, por exemplo, movimentos circulares com os pés, que vão melhorar a coordenação motora dos membros.

Outra técnica comum é a hidroterapia, que utiliza uma piscina ou equipamento parecido para uma série de exercícios. A água com fim terapêutica pode tanto apresentar temperatura fria, quanto quente.  A massoterapia, no que lhe diz respeito, se utiliza da massagem sobre músculos, tendões e mais. Dessa forma ela consegue aliviar as dores e estimular o corpo a se recuperar.

Há ainda a acupuntura, e a cinesioterapia e eletroterapia, que usam o movimento do corpo e a eletricidade, respectivamente, para favorecerem o bem-estar do organismo.

Escolha da técnica

Para que o atendimento realizado pelo fisioterapeuta seja o mais eficaz possível, é fundamental que o diagnóstico bem feito seja realizado. Para isso, o paciente passa por uma bateria de exames. Entre eles estão o exame físico e laboratorial. Exames de imagem, como a ressonância magnética e o raio X, são igualmente utilizados. Dessa forma, o especialista consegue perceber a real causa do problema, e assim tratá-lo.

Para o diagnóstico, outra etapa importante é a conversa entre médico e paciente. No bate-papo, o fisioterapeuta pode conhecer os hábitos de vida do indivíduo e a ocorrência de seus sintomas. Ao mesmo tempo, investiga a ocorrência de problemas ou doenças em outras pessoas na família. Afinal, muitas das situações tem fator genético. Isso pode tornar o diagnóstico ainda mais preciso.

Com o melhor tratamento definido, o paciente deverá realizar a terapia no consultório médico, tal qual em casa. Isso quer dizer que os exercícios e técnicas ensinados pelo fisioterapeuta, muitas vezes, deverão ser repetidos pelo paciente no dia a dia. Esse cuidado vai garantir que o corpo se mantenha sempre em terapia, acelerando o processo de recuperação ou prevenção de problemas.

Fisioterapia no Perdizes

A história do bairro Perdizes começa em 1850, quando existia na região de Sesmaria do Pacaembu uma série de chácaras. Essas chácaras foram loteadas e deram origem ao bairro paulista. Seu nome vem de um conhecido vendedor de aves que morava na área. Como comercializava muitas perdizes, o “campo das perdizes” acabou por virar um ponto de referência na região – e, posteriormente, nomeou-a.

Cheio de áreas verdes, o bairro proporciona um ar mais puro que o comum na capital paulista. Oferece ainda opções variadas de lazer e para o bem-estar dos moradores. Além, é claro, da clínica de fisioterapia no Perdizes, que pode tratar e prevenir doenças as mais diversas. Entre em contato conosco e marque sua consulta!